Imagem do post 3

Estudo revela que mentir ficou mais fácil com uso de torpedos


De acordo com um estudo feito pela London School of Economics, em parceria com a empresa Carphone Warehouse, revela que mais da metade dos usuários de telefone celular em cinco países europeus acredita que o uso de torpedos tornou o ato de mentir mais fácil.

A pesquisa, feita na Espanha, França, Alemanha, Suécia e Grã-Bretanha, quer avaliar o impacto do celular sobre a vida cotidiana. Cinco mil pessoas participaram do estudo, que teve como foco questões como confiança, relacionamentos e a família, e buscou destacar diferenças nacionais.

Ainda de acordo com a pesquisa, 60% dos entrevistados acha que o celular tornou a mentira mais comum. Na Grã-Bretanha, esse número sobe para 70%. Os entrevistados dizem que acham mais fácil mentir em uma mensagem de texto do que em uma conversa telefônica ou pessoalmente.

Mas as descobertas não param por aí. Duas mil e quinhentas pessoas admitiram que leriam os torpedos dos parceiros sem lhes pedir permissão.

Dentre todos os entrevistados, as mulheres se mostraram mais dispostas a bisbilhotar no celular do parceiro (66%) que os homens (53%).

O estudo mostra quão integrado à vida européia o celular se tornou, trazendo novas formas de interação social e também levanta questões sérias sobre a moral e a etiqueta.

Posts similares

Comentários