Pular para o conteúdo
Início » Produtividade: 25 atitudes para ser mais produtivo no trabalho e na vida » Como motivar sua equipe? 7 dicas práticas e simples

Como motivar sua equipe? 7 dicas práticas e simples

Sem dúvidas, um dos principais desafios dos gestores é saber como motivar sua equipe. Afinal, colaboradores desmotivados impactam no clima organizacional e, consequentemente, na qualidade das entregas.

A lógica é simples, porém esse desafio evoluiu e ganhou novos contornos à medida que evoluímos como sociedade e passamos a buscar o bem-estar mental em meio à pandemia.

É louco pensar que nos Estados Unidos, o país das oportunidades, mais de 4,2 milhões de trabalhadores deixaram seus postos de trabalho por vontade própria!

Esse movimento voluntário, que ganhou o nome de The Great Resignation (A Grande Renúncia), é um alerta sobre o papel do trabalho na vida das pessoas e revela a necessidade de projetos para garantir a satisfação, a motivação e a retenção dos funcionários.

O que muitos gestores não enxergam ainda é que o desafio de como motivar sua equipe pode ser alcançado, primeiramente, através do engajamento!

Como líderes, precisamos estimular cada membro da nossa equipe a utilizar adequadamente suas habilidades e ajudá-los a progredir profissionalmente.

Eu sei que pode não ser tão simples assim. Isso envolve o modelo de negócio, a própria cultura organizacional e processos internos. Porém, precisamos ter em mente que funcionário motivado é funcionário produtivo.

Continue a leitura e aprenda sobre:

Sumário

A diferença entre engajar e motivar

O primeiro passo é entender a diferença entre os conceitos é que motivação é algo individual, que vem de dentro.

Reflita: o que me motiva a levantar cedo todos os dias para ir trabalhar? O que me motiva a continuar nesse emprego? São razões pessoais.

MOTIVO + AÇÃO = MOTIVAÇÃO

E exatamente por isso, tentar motivar alguém seria em vão. O que um bom líder ou gestor pode (e deve) fazer é dar recursos e ferramentas para engajar o seu pessoal.

Como ter mais motivação – https://www.youtube.com/watch?v=vQX5SLwPgSI

Ao contrário da motivação, o engajamento está relacionado ao externo e envolve coletividade.

Para entender melhor, podemos dizer que engajamento é tudo aquilo que leva as pessoas a alcançarem um objetivo comum à organização ou ao meio que estão reunidas. É algo que faz com que as pessoas alinhem seus interesses e metas em busca de soluções comuns.

Assim, quando há engajamento, cada indivíduo se enxerga como uma pequena parte de uma engrenagem e que ela só funciona se todos estiverem, literalmente, no mesmo time.

Agora você consegue enxergar a diferença?

Se até aqui você também se confundia, não se preocupe! Infelizmente essa ainda é uma realidade na maioria das empresas.

Uma pesquisa da Gallup aponta que apenas 1/3 das pessoas estão altamente engajadas dentro da corporação em que trabalham. Os outros 2/3 são pessoas ativamente desengajadas.

Os dados da pesquisa só comprovam que tem muito mais funcionário do tipo que torce para chegar sexta-feira e reza para não chegar segunda-feira, do que funcionário que consegue ver uma razão para fazer o que faz e estar onde está.

Gerações diferentes, motivações diferentes

Se você deseja saber como motivar sua equipe, é importante considerar a formação da sua equipe. Isso porque, não é novidade que a função social do trabalho difere entre as gerações.

A geração Y, por exemplo, possui uma alta expectativa em relação à carreira. Esses jovens:

  • Nasceram em meio à inovação
  • Têm sede de criatividade
  • Buscam equilíbrio entre vida profissional x pessoal
  • São worklover (apaixonados pelo trabalho)
  • Não são workaholic (viciados em trabalho)

Enquanto isso, a geração Z se caracteriza pela comunicação instantânea e também:

  • São profissionais são imediatistas
  • Demonstram pouca paciência e desapego
  • Costumam ser multitarefas
  • Se consideram ativistas ponderados
  • Priorizaram crescimento e desenvolvimento

Grande parte da população economicamente ativa (PEA) faz parte dessas duas gerações. Por isso, motivar esses profissionais é essencial para reter talentos e alcançar resultados positivos para a empresa.

7 estratégias de como motivar sua equipe através do engajamento

No livro “Drive”, de Daniel H Pink, o autor defende que existem três elementos que aumentam o engajamento das pessoas. E eu compartilho aqui com vocês:

1 – Dê autonomia

O tempo você já tem, o que precisa é enxergar a possibilidade de dirigir (drive) as suas tarefas, metas, trabalho… enfim, a sua vida!

Como gestor, cabe a você fazer o seu time entender que cada um tem sua autonomia para trabalhar dentro de suas tarefas e que, no final, o resultado será um só.

Isso não só ajuda bastante a gerar engajamento, como faz o funcionário começar a enxergar que o trabalho dele não é apenas o dele, mas faz parte de algo maior.

2- Busque realizar um trabalho de excelência

Aqui entra a vontade e a busca em ser sempre um pouco melhor do que se foi ontem. Fazer a diferença para o seu time e guiá-los para que busquem a excelência na execução das suas tarefas diárias. É um baita desafio, mas ser gestor é isso!

Todos têm talentos, mas às vezes alguns são ofuscados até mesmo por você, líder, que não consegue enxergar isso. Já pensou nisso?

Viva para motivar! – https://www.youtube.com/watch?v=gnKo8fPSbBM

3- Forneça um propósito

Tente executar as tarefas sempre em nome de algo maior. E não se esqueça de passar isso para a equipe também! Quando delegar alguma tarefa aos seus funcionários, procure deixar claro qual o real propósito dela e o que se espera alcançar.

Consegue perceber a diferença entre dizer “esta semana você precisa fechar com cinco clientes” e “esta semana, se conseguirmos fechar com cinco clientes, vamos superar a meta mensal e os bônus para vocês serão maiores”?

Para os recém-chegados, mostre o planejamento estratégico da empresa, os seus objetivos, o papel da área e explique qual a contribuição que se espera de cada colaborador para atingir os objetivos empresariais.

Na próxima vez, tente fazer esse exercício. Te garanto que qualquer um de nós trabalha muito melhor quando tem um propósito.

Além desses três elementos, adiciono outros 4 que considero indispensáveis para os gestores que desejam saber como motivar sua equipe. Acompanhe baixo

4- Comunique-se melhor

A importância da comunicação em uma empresa é frequentemente negligenciada. Toda vez que abordo esse tópico, me lembro imediatamente da história do Cometa Halley e o problema da falta de comunicação.

Comunique regularmente e de forma clara aos seus funcionários as mudanças importantes na organização, principalmente aquelas que mudem a rotina da equipe. Como dito, os funcionários precisam se sentir parte do todo.

Além disso, sua equipe precisa saber que é valorizada. Se comunicar pessoalmente com cada membro é a melhor maneira de mostrar sua gratidão pelo trabalho árduo.

É bem perceptível: todo funcionário sai mais encorajado depois de uma conversa animada sobre planos de ação. Animada, pois não adianta nada passar tarefas ou elogios sem mais detalhes e deixar que o ciclo se resolva sozinho.

5- Forneça incentivos

Quem não fica mais empolgado quando uma boa recompensa está em jogo? Não, isso não é suborno e não, seus funcionários não serão movidos apenas na base do “presentinho”.

Incentivos são impulsionadores da motivação – e não precisam ser caros. Você também pode oferecer estímulos como um dia de folga, cartões de presente, ingressos para o cinema ou outras formas de baixo custo para demonstrar sua gratidão.

Se a sua empresa adota um modelo de trabalho híbrido ou 100% remoto, também é válido incentivar sua equipe a cuidar do bem-estar mental. Reforce a necessidade da prática de exercícios, das terapias e das pausas para recarregar a bateria.

6- Empodere a sua equipe

Sua opinião é e sempre será recebida, mas a de seus funcionários?

Peça sua contribuição e receba sugestões sobre como melhorar o desempenho da equipe em si. A maioria tem ideias sobre como eles podem ser mais eficientes, mas eles não as compartilham, a menos que você os pergunte especificamente.

Se você realmente quer capacitar e motivar seus funcionários, você pode seguir as sugestões deles e implementá-las. Caso, por algum motivo, isso não possa ocorrer, você deverá explicar sobre a questão.

Você também deve dar-lhes autoridade para tomar suas próprias decisões, como fornecer serviço para um cliente até um certo ponto sem precisar obter aprovação prévia.

7- Ofereça chances para crescimento individual

Um time fica mais engajado e motivado quando sabe que está trabalhando para alguma coisa. Como já dito, é preciso fornecer um propósito para sua equipe.

Se ninguém pensa que possui qualquer oportunidade para crescer na empresa, então caro leitor… não há muito o que fazer. Afinal, ninguém quer ficar em um emprego sem futuro.

Trago algumas sugestões para promover o crescimento da sua equipe:

  • Ofereça treinamentos que lhes deem a chance de condicionar habilidades necessárias para subir de carreira.
  • Promova rodas de conversa ou reuniões com objetivo de um dos membros da equipe ensinar aos outros algum conhecimento.
  • Crie duplas de mentoria para seniores e juniores trabalharem juntos na execução de projetos e aprendam um com o outro.

Além de dar um objetivo para cada funcionário, com essas práticas você também aumenta a reputação da sua empresa. Dois por um!

Rotina motivacional no trabalho

Você costuma sentir a energia fluir no seu escritório?

É difícil responder essa pergunta quando vivemos em uma rotina. Muitas coisas passam despercebidas, são ignoradas, ou simplesmente são desinteressantes.

Como ter energia em um ambiente tão monótono? Bem, separamos algumas dicas que vão te ajudar a formular uma agenda diferente.

Continue lendo e conheça o calendário que vai energizar sua equipe!

Dia 1 – Celebre os ganhos

Comece a semana com algo que todo time precisa: reconhecimento do sucesso.

Como: Faça coisas divertidas com sua equipe. Isso envolve dar uma pausa no trabalho e buscar entretenimento. Uma festinha, quem sabe? Até um filme serve de exemplo.

Por que: Estudos mostram que quase 58% dos líderes dizem que “dar mais reconhecimento” é a primeira coisa que eles deveriam fazer mais. Quase 70% dos trabalhadores admitem trabalhar mais depois de receber reconhecimento por um trabalho bem feito.

Portanto, vá além do típico “obrigado”. Lazer também é recompensa!

Dia 2 – Lembre a importância de cada um

Isso é algo que deve ser feito com frequência. Saber que o trabalho deles está fazendo a diferença no grande esquema ajudará muito a engajar sua equipe a fazer um trabalho ainda melhor.

Como: Conversas individuais podem abrir portas para um membro de equipe. Ele tem a chance de fazer perguntas, “desabafar” sobre sua situação atual no time e até mesmo dar sugestões.

Você, enquanto líder, tem a chance de responder o que for necessário e comentar sobre o desempenho de cada um.

Por que: Pessoas não leem mentes. Um bom feedback é sempre bem-vindo para lembrar a importância do trabalho exercido por cada membro.

Dia 3 – Recarregue as energias

Fazer tudo em cima da hora o tempo todo não só nos cansa como nos estressa. Quando pontuamos períodos de trabalho intenso com repouso, isso nos rejuvenesce.

Como: Tirar alguns dias de folga após uma temporada intensa gera descontração. Porém, para isso, você precisa estar certo de que sua equipe não vive na correria. Já ouviu falar na tríade do tempo?

Por que: Esse momento de repouso equivale ao descanso que atletas profissionais têm após treinos. Ele permite os membros da sua equipe a voltar afiados, energizados e criativos.

Dia 4 – Trate contratempos como experiências de aprendizado

Erros só são um problema quando não há uma segunda chance. Não os trate como falha, e sim como algo que podemos trabalhar no futuro.

Como: Se houver problemas, resolva-os com franqueza e abertamente. Deixe as pessoas fazerem perguntas e, em seguida, peça seu apoio (conselhos, sugestões) para consertar as coisas.

Por que: Melhor do que corrigir um erro da equipe é corrigir ao lado de quem errou. Você vai ver que a energia irá se duplicar quando esse erro virar uma experiência que não será repetida.

Dia 5 – Feedback

O feedback é um dos elementos mais vitais para o sucesso de um funcionário. Sempre há o que melhorar ou o que elogiar.

Como: Abrace uma linha casual mais pessoal (e frequente) para feedback. Isso envolve, além das sugestões de melhoria, elogios ocasionais. Você ganha fidelidade e aumenta a confiança das pessoas quando dedica seu tempo para expressar gratidão pelo trabalho que eles fazem.

Por que: De acordo com a Gallup, quase 80% dos funcionários dessa geração relatam que querem receber feedback semanalmente.

Você, como líder, tem poder o suficiente para fazer toda uma equipe sair do lugar. Basta seguir esses passos e liderar do jeito certo.

Sua equipe chega no final do dia com as tarefas concluídas?

Com alguns ajustes na rotina é possível fazer sua equipe ser mais produtiva (mesmo em épocas de crise!).

Por fim, para concluir esse artigo, cito uma das definições da palavra líder no dicionário: seja um exemplo; uma pessoa cujas ações e palavras exercem influência sobre o pensamento e comportamento de outras.

Não é certo esperar determinado comportamento de alguém se você mesmo não veste a camisa. A empolgação começa por você, a motivação começa por você!

FAQ

0 0 votos
Article Rating
Se inscrever
Notify of
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários

Acabe com a PROCRASTINAÇÃO e comece a ter resultados em sua vida!

X